Tigeladas da Beira

Receitas, Receitas Portuguesas, Receitas Sobremesas,

Partilhe com os seus amigos ...Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter

A origem das tigeladas, conventual, são de fato da freguesia de Rio de Moinhos, concelho de Abrantes. Conta a Lenda que uma senhora (que aprendeu o segredo das tigeladas há quase um século, através de uma amiga), de nome, Verdiana, fora lavadeira de um convento de Abrantes (Convento da Graça – demolido em 1902) onde aprendeu o segredo do , com as freiras. Foi assim que começaram a fazer tigeladas em Rio de Moinhos e o segredo passou de geração em geração até aos nossos dias. O nome tigeladas, deriva da tigela de barro, onde o é assado. Experimente as Tigeladas da Beira!

Ingredientes
300 g de
1 colher de farinha de trigo
1 litro
8
Canela em pó

Modo de preparo
Misture a farinha com o açúcar e com a canela. Junte os ovos e o leite morno. Mexa tudo muito bem e coloque a porção em recipientes, são de barro não pintado, mas podem ser de outro material que vá ao . Deixe uma margem de mais ou menos dois dedos entre a e a borda do refratário, para não verter para fora quando estiver no . Coloque o preparado no à temperatura de aproximadamente 130º C, durante 90 minutos. Depois de frio, servir sem polvilhar nenhum condimento ou especiaria.

Paladar português com #PortugalSaboroso