Curiosidades gastronômicas…

Partilhe com os seus amigos ...Pin on Pinterest
Pinterest
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Curiosidades gastronômicas…

Um pouco de história sobre… a Alheira!

A alheira é, sem dúvida, um dos enchidos com mais história em Portugal. Confeccionada com alho(ao qual deve o nome), gordura animal, pimentão doce, pão, azeite, de aves (atualmente já se encontra com carne de porco, caça, e tantas outras derivações).

A alheira foi inventada em plena época da Inquisição em Portugal, séc. XV, quando os judeus eram perseguidos e obrigados a converterem-se. Aos judeus convertidos (à força), eram chamados de “novos cristãos”. Foram estes que, perante uma sociedade de desconfiança face a eles, e numa época em que era comum pendurar à porta os enchidos para todo o ano, que surgiu a alheira, numa necessidade de ludibriar os vizinhos e a inquisição dos novos costumes destes “novos cristãos”.

A alheira, que era também um enchido, não era confeccionada com carne de porco, que os judeus não comem, mas com vitela, coelho, peru, e por vezes até mesmo perdiz. Assim, estes enchidos eram pendurados nas casas, iludindo a Inquisição de que estes judeus já não praticavam a sua religião.

Aos poucos, este enchido foi-se disseminando pelo resto do país, e foi sendo adaptando aos gostos dos populares, que depressa lhe introduziram a carne e a gordura do porco. Disseminou-se e tornou-se mesmo popular na região Norte, também fruto dos judeus nesta região do país.

Tanto tempo depois, a alheira continua a fazer parte das nossas ementas (cardápios) diárias, continuando a ser um produto muito apreciado e que se adaptou aos novos tempos, sendo já confeccionada de diversas formas.

História gastronômica com #PortugalDescomplicado