Encharcada do Convento de Santa Clara

Este é um dos doces mais representativos da riquíssima doçaria regional alentejana e, ao mesmo tempo, um dos mais apreciados em todo o país. Preparada à base de ovos, açúcar e canela – os sabores do Alentejo, tão marcado pela doçaria conventual – a encharcada faz as delícias de todos, mesmo os apreciadores de sabores mais requintados. De origem conventual, as receitas da encharcada variam entre os conventos de Évora, Beja e Mourão, sendo a de Évora a mais comum de todas elas… Encharcada do Convento de Santa Clara !

Ingredientes
22
200 ml de água
4
750 g de açúcar

Modo de preparo
Leve o açúcar ao fogo com a água e deixe ferver até fazer ponto de pérola muito fraco (quando o fio da calda for espesso, ficando uma gota suspensa no limite). Entretanto, bata os ovos. Estando a calda no ponto, acrescente nela os ovos, lentamente, através de um passador de rede e em movimentos circulares. Deixe cozinhar, espetando a calda com uma espátula, dos lados para o meio, para evitar que ganhe crosta. Retire do fogo quando os ovos estiverem cozidos, mas ainda com um pouco de calda. Coloque num prato fundo, polvilhe com e leve a encharcada ao bem quente só para tostar.

Paladar português com #PortugalSaboroso