TUDO SOBRE O USO DOS TERMOGÊNICOS

TUDO SOBRE O USO DOS TERMOGÊNICOS

Partilhe com os seus amigos ...Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter

• TUDO SOBRE O USO DOS TERMOGÊNICOS.

O assunto de hoje a noite ainda são os famosos TERMOGÊNICOS. Hoje a equipe do Fitness decidiu falar sobre os efeitos colaterais e as contraindicações deste tipo de suplemento.

O principal risco da utilização de termogênicos diz respeito a indivíduos com problemas cardíacos e com hipertensão, pois os compostos proporcionam uma elevação dos batimentos cardíacos e da pressão arterial. Vale lembrar, que a sudorese (suor) e a diurese (vontade de urinar) também sofrem um aumento significativo. Além disso, por atuar diretamente no sistema nervoso central, podem ocorrer alterações de humor.

Os termogênicos também são considerados estimulantes. Por isso, não devem ser consumidos após as 17h, pois podem atrapalhar o sono de pessoas mais sensíveis. Pessoas que usam remédios para o sistema nervoso não devem usar sem consultar seu médico. Uma forma para evitar que o seu corpo vicie nos efeitos da adrenalina e fique prostrado quando parar de usar é seguir as doses recomendadas por quatro dias e parar por três dias seguidos

Algumas pessoas usam estas substâncias em quantidades altíssimas em baladas, já que o produto mascara o efeito relaxante do álcool, o que deixa as pessoas alcoolizadas, mas sem que elas sintam que isso está acontecendo. O resultado é embriaguez com os efeitos inerentes ao uso excessivo de bebidas alcoólicas, mas não tem o freio do relaxamento, o que pode representar um perigo considerável. Portanto, evite radicalmente o consumo de mais do que uma dose de álcool nos dias em que estiver usando o produto.

• TERMOGÊNICOS X PERDA DE PESO. A pergunta que todos fazem é: ELES SÃO TÃO EFICAZES ASSIM?

Deve-se saber que o primeiro fator a ser observado quando o assunto é a perda de peso e, mais especificamente a eliminação de gordura corpórea é o balanço energético total do indivíduo. Parece um tanto quanto lógico pensar que, se o corpo tem mais energia do que precisa, armazenará o excesso em forma de gordura corpórea. Entretanto, caso contrário, ou seja, na falta, o corpo utilizará o que tem de armazenado para servir como energia para os diferentes processos, desde metabólicos até os processos mecânicos.

A forma dinâmica com que o metabolismo funciona, buscando sempre a homeostase (e claro, jamais alcançando) é fundamental na ação dos termogênicos. Como já dito, com a elevação da temperatura corpórea, temos um aumento no gasto energético também. Se, por conseguinte, esse gasto energético superar as necessidades do seu corpo, ou seja, se estiver bem adequado a uma dieta que atenda esse objetivo, então ele será não só eficaz, mas, será um ótimo suplemento a ser utilizado, desde que o indivíduo, claro, não tenha restrições a algum de seus componentes.

Entretanto, digamos que esse indivíduo tenha uma ingestão energética pouco mais elevada do que suas necessidades (o que teoricamente o faria ganhar peso) e então use termogênicos “compensando esse gasto” (o que não seria ideal, claro). Assim, a perda de peso não aconteceria, mas, o ganho também não.
Porém, como último fator e, diga-se de passagem, fator que mais vem acontecer, são indivíduos com protocolos dietéticos errados ou, se quer sem um protocolo dietético e que fazem uso de suplementos termogênicos esperando ter bons resultados. Por melhor e mais caro que seja o produto que você esteja usando, não espere milagres, logo, se você se encaixa nesse último grupo, então, provavelmente deve desistir do uso destes.

• EXISTE UM TERMOGÊNICO QUE SEJA O MELHOR?

Hoje no mercado, as marcas e os produtos disponíveis com suas diferentes características, compostos, formas de utilização e particularidades extras são um dos maiores fatores pelos quais as maiores dúvidas passam a existir entre seus consumidores. O aplicado nestes suplementos chega a ser tão grande que, muitos passam a basear seus ganhos e resultados nestes produtos. Por conseguinte, esquecem de fatores fundamentais como a dieta e o treinamento sinergicamente combinados.

Sabe-se que, apesar do grande número de placebos, também existem bons produtos. Mas, afinal, existe um melhor termogênico ou uma melhor marca?

Os fatores fisiobiológios individuais que definem qual ou quais tipos de substâncias podem ser mais ou menos eficazes. Não é a toa que alguns obtém melhores resultados com esse ou aquele produto, uma vez que esta individualidade faz com que naturalmente tenhamos maior ou menor sensibilidade a um ou outro composto ou ingrediente da fórmula. Isso pode ser justificado por N fatores, mas, o mais simples e correto a se dizer é que receptores dessas substâncias por ordem genética podem ser mais ou menos ativos perante a mesma.

Assim, não podemos jamais dizer que exista um produto melhor que o outro ou tampouco que há uma maior ou menor efetividade de tal, mas sim, que exista aquele produto que se adéque melhor às suas necessidades individuais, fazendo então com que este seja o melhor produto para você. E, como saber isso? Procurando auxílio profissional, é claro.

#Suplementação #CuriosidadesAF

Post Author: Alimentação Fitness