Intestino, o segundo cérebro: saiba como cuidar do órgão

Receitas, Saúde Alimentar,

Partilhe com os seus amigos ...Pin on Pinterest
Pinterest
Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter

Intestino, o segundo cérebro: saiba como cuidar do órgão

Noventa por cento da serotonina, substância responsável pela nossa sensação de bem-estar, é produzida pelos intestinos. Segundo Póvoa, quem cuida do sistema gastrintestinal melhora sua qualidade de vida.

“A alegria e a inteligência emocional, de que tanto precisamos para viver bem, começam realmente a partir do intestino. Por isso, só nos resta garantir a esse órgão matérias-primas de primeira qualidade, o que conseguimos com uma saudável. Ele, inteligentemente, se encarregará de garantir nossa saúde e nossa felicidade“ esclarece Póvoa em seu livro “O Cérebro Desconhecido” (Objetiva).

Água e fibras são fundamentais para o bom funcionamento do intestino. O importante ao escolher os alimentos da sua dieta é dar preferência aos integrais, como farinha, arroz, aveia. “É recomendado ingerir cerca de cinco porções de frutas e hortaliças (legumes e verduras) por dia e pelo menos 1,5 litro de água. A Aveia é um grande aliado, pois uma colher de cheia contém cerca de 1 grama de fibra solúvel”, indica Fabiane Alheira, nutricionista do Centro de Gastronomia do Senac Rio. Aqueles que possuem intolerância ao não devem consumir aveia, mas podem substituí-la.

Ela dá uma para melhorar o funcionamento do órgão: bater do liquidificar: 1 xícara (chá) de suco de laranja, 1/4 de mamão papaia, 2 ameixas secas sem o caroço e 1 colher (sopa) de aveia. A nutricionista que seja feita uma dieta rica em fibras (30 gramas por dia) e água (pelo menos 1,5 litro de água por dia) para manter o organismo sempre hidratado. “Dessa forma, as fezes irão adquirir consistência para passar pelo trato intestinal sem agredir suas paredes”, diz.

A água é fundamental em todo o processo. “Sem água o suficiente para manter a hidratação do organismo, as fezes acabam ficando ressecadas no intestino, dificultando a sua eliminação”.

Se você tem dificuldades na hora de evacuar e sofre com prisão de ventre, existem algumas alternativas que estimulam os movimentos peristálticos:

– Massagem na barriga: Com as pontas dos dedos, comece na acima da virilha do lado esquerdo, suba até a altura do umbigo e desça pela esquerda. São suficientes 15 minutos para a estimulação dos movimentos peristálticos.

– Na hora da evacuação, procure relaxar, pois os movimentos peristálticos ficam mais ritmados. Procure seu ritual preferido, uns gostam de ler, outros de ouvir música e até meditar. Teste vários métodos até chagar ao seu ritual predileto.

– Comer com fibras, ameixa, água e grãos integrais.

Curtam: “Alimentação, Emagrecimento e Saúde” – e receba dicas!