PAVLOVA DUPLA COM FRUTOS VERMELHOS

Partilhe com os seus amigos ...Pin on Pinterest
Pinterest
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

PAVLOVA DUPLA COM VERMELHOS

Para os merengues:
(adaptado da revista Good Food – Maio 2011)

8 claras de (+-250 g de claras)
480 g de açúcar
1 colher de de farinha de
1 colher de sopa de de sidra
1 pitada de sal

Para o recheio e cobertura:

400 g de frutos vermelhos (congelados ou um mix de frescos e congelados – usei morangos e framboesas congeladas)
3 colheres de sopa de açúcar amarelo
1/2 romã
400 ml de para bater
Algumas gotas de sumo de limão
3 colheres de sopa de açúcar em pó (ou a gosto) + algum para polvilhar
Folhinhas de

Pré-aqueça o forno nos 110º com a ventoinha ligada (liguei a ventoinha porque cozi os dois merengues ao mesmo tempo em dois níveis do forno).
Desenhe numa folha de papel vegetal um círculo com 26 cm de diâmetro e noutra folha um círculo de 20 cm de diâmetro. Coloque as folhas sobre tabuleiros de ir ao forno, com a marca do lápis virada para baixo.
Comece a bater as claras, que devem estar à temperatura ambiente, com uma pitada de sal. No início sem o açúcar, mas quando começarem a ganhar picos consistentes, junte o açúcar aos poucos, continuando a bater até estar firme e brilhante. Antes de juntar a última porção de açúcar, junte a e o vinagre.
Coloque colheradas de merengue dentro dos círculos desenhados, abatendo um pouco no centro e mantendo os lados mais altos e irregulares. Leve a cozer durante 30 minutos e depois reduza a temperatura para 90º/ventoinha e deixe cozer durante mais 1h30. Desligue o forno, entreabra ligeiramente a porta e deixe as pavlovas arrefecerem dentro do forno.
Depois de frias, se não for usar logo, guarde-as numa caixa hermética.

Montar/ decorar:
Com cerca de 2 ou 3 horas de antecedência, coloque os frutos congelados numa taça, envolva-os no açúcar amarelo e deixe descongelar (vão largar um sumo delicioso que vamos usar depois na decoração).
Bata as natas com o açúcar em pó até ficarem firmes (a meio do processo junte umas gotas de sumo de limão: vai ajudar a que fiquem mais espessas).
Num prato com rebordo, coloque o suspiro maior, espalhe colheradas de chantilly e metade dos frutos.
Coloque o outro suspiro por cima e repita a operação: camada de natas seguida de camada de frutos, salpicando com os bagos de romã. Regue com algum do sumo largado pelos frutos, espalhe algumas folhinhas de hortelã e polvilhe com açúcar em pó.
Está pronto a servir.

http://lume-brando.blogspot.pt/2014/01/uma-pavlova-para-comecar-bem-o-ano.html#more